O Outro Lado do Paraíso: resumo completo da última semana entre 7 e 11 de maio

A novela  O Outro Lado do Paraíso chega ao fim na próxima sexta-feira, 11 de maio. Saiba agora tudo o que acontecerá na trama.

Segunda-feira

Clara liga para Renato e ele desiste de cortar a orelha de Tomaz. Gael diz para Clara que já sabe como resgatar o filho. Após a separação consensual, Samuel e Suzy assinam o divórcio. Zé Victor tenta matar Caetana, mas várias mulheres o expulsam do bordel. Desirée acha estranho Juvenal ter sumido de repente. A moça vai procurar o noivo e Renato o ameaça caso diga alguma coisa.

Para evitar o pior, Juvenal trata a noiva com frieza, diz que não gosta mais dela e lhe manda embora. Triste, Desirée decide voltar para o bordel, mas Caetana a aconselha a não tomar nenhuma decisão agora.

Sophia recebe alta e o julgamento é remarcado. Zé Victor chantageia Sophia para depor a seu favor no julgamento. Cido decide ir embora. Renato diz a esposa que jamais devolverá o refém para Clara, pois quer que ela sofra.

Terça-feira

Renato conta para Fabiana como procederá para pegar as esmeraldas de Tomaz. Adnéia faz as pazes com Cido e pede que ele continue vivendo no apartamento de Samuel. Bruno ouve o plano de Gael e permite que ele use o ouro de Sophia para enganar Renato.

Sophia pede que Mauricio dê um jeito de afastar Clara de seu caminho para vencer o processo. Beth descobre que o neto foi sequestrado. Gael vai pagar o resgate de Renato. O médico descobre que foi enganado e fica irritado.

Quarta-feira

Renato dá um tiro em Gael e corre. Bruno consegue desarmá-lo, mas enquanto Clara chora e se declara para Gael, o médico consegue pegar a arma do delegado e rende a ex-noiva.

Patrick atira em Renato, mas também é atingido por um tiro. Fabiana é presa e fica desesperada. Patrick e Gael passam por cirurgias de emergência para remover as balas.

No julgamento de Sophia, Clara revela que viu Laerte morto e fugiu. Sophia diz que não cometeu nenhum dos crimes. Mauricio cita que a vingança de Clara é fato conhecido de toda a cidade e a acusa de ter cometido os crimes imputados contra a sua cliente para concluir a sua vingança doentia.

Quinta-feira

Mauricio avisa Sophia que conseguirá sua absolvição e abrirá um processo contra Clara. Beth depõe e é acusada de ter limpado as digitais da filha para protegê-la do crime. Zé Victor depõe a favor de Sophia e nega ser seu cúmplice. Caetana diz em depoimento que Sophia se prostituía e matou Agenor.

Após darem seu depoimento na audiência, Gael e Lívia são acusados de participarem de um complô contra Sophia para ficarem com a sua fortuna. Maurício pede a prisão dos dois por falso testemunho. Clara percebe que todos os argumentos do advogado são válidos e teme ser algemada.

Sexta-feira

Patrick avisa Clara que Sophia será inocentada e que ela pode voltar para o hospício por falta de provas. A mulher do quilombo procura Clara e conta que existe uma nova testemunha para ajudá-la. No dia seguinte o julgamento volta do recesso e Mariano entra na sala de audiência com a mulher do quilombo. Mariano acusa Sophia, que perde o controle e admite seus crimes, alegando que estava se defendendo de chantagistas.

Samuel assina um laudo declarando Sophia como portadora de psicopatia. Sophia é condenada à prisão perpétua em uma clínica de saúde mental. Após bater no psiquiatra, Sophia é levada para a mesa de eletrochoques. Lívia revela para Mariano que eles terão um filho. Ocorre um desfile de lançamento da grife de Beth. Clara corre atrás de Patrick, se declara e ele a pede em casamento. Caetana está pressentindo seu fim e pede para ver Mercedes.

Clara conversa com Gael após se declarar para ele e diz que decidiu se casar com Patrick. Gael socorre uma mulher que acaba de ser espancada pelo marido. Ele a ajuda e os dois começam um romance. Sophia começa a ver Renato reclamando as esmeraldas e foge de fantasmas. Tomaz chama Clara de mãe pela primeira vez. Mercedes prevê o fim do mundo, alegando que surgirá uma nova civilização repleta de paz e amor.

Artigos Recomendados